Listas

BBM lista – 6 mangás 100% coloridos

nextdimensionA arte oriental em cores…

Embora alguns mangás possuam uma ou outra página colorida, uma das marcas dos quadrinhos japoneses é o fato de serem quase inteiramente em preto e branco. De fato não é apenas esse detalhe que faz o mangá ser mangá (afinal existem diversos quadrinhos pelo mundo que são em preto e branco como Persépolis ou as tirinhas de Peanuts), mas existe meia dúzia de otakus fervorosos que fazem dessa marca a “alma” dos quadrinhos japoneses e viram a cara para qualquer publicação “em cores”.

Entretanto, contudo, todavia, nem sempre tudo é preto no branco^^. Existem muitos mangás no Japão inteiramente coloridos. Alguns deles já são concebidos dessa forma, como Re: Life, enquanto outros ganham uma versão colorida posteriormente, regra geral devido ao sucesso de uma série, como Highschool of the dead ou Dragon Ball.

Embora sejam raros, alguns desses mangás 100% coloridos deram as caras no Brasil, alguns agradando muito, outros gerando revolta até hoje. Nossa postagem de hoje lista 6 mangás fullcolor lançados no Brasil.

***

akira 38

Akira

O primeiro mangá inteiramente colorido no Brasil foi também um dos primeiros mangás a ser lançados em nosso país. Akira, mangá clássico de Katsuhiro Otomo, foi lançado originalmente em preto e branco como a maioria dos demais mangás, entretanto acabou por ganhar uma versão colorizada nos Estados Unidos. Foi justamente essa versão que chegou ao Brasil pelas mãos da editora Globo.

A história desse título no Brasil vocês sabem, o título teve os seus 6 volumes originais divididos em 38 revistinhas, com sentido de leitura ocidental. A maioria dessas edições foi publicada entre 1990 e 1993 e os números finais apenas entre 1997 e 1998. Agora em junho, a editora JBC relançará o mangá, mas em sua versão em original de 6 volumes e em preto e branco, com leitura oriental.


cinderalla

Cinderalla

Junko Mizuno no Cinderalla-chan ou simplesmente Cinderalla é um mangá de apenas um volume que parodia o conto de fadas Cinderela. A obra se situa em um contexto meio obscuro e a protagonista se apaixona por um príncipe zumbi.

O mangá é 100% colorido e foi lançado em 2006 pela editora Conrad.


manga-messias-portugues

Coleção Mangá Bible

Em 2008 tivemos o início da publicação da coleção “Mangá Bible”. Composto de 5 obras ( Messias, Metamorfose, Motim, Melek e Mensageiros), ela foi completa em 2013.

De cunho religioso e cristão, a coleção possui leitura ocidental e páginas inteiramente coloridas. No Japão, a obra foi publicada pela Nippon Seisho Kyoukai e no Brasil pela Edições Vida Nova.


alice

Alice no país das maravilhas

Lançado em 2007 no Japão pela editora Gentosha, Alice no país das maravilhas também possuía todas as páginas coloridas. O mangá possui apenas um volume e foi escrito e desenhado por Sakura Kinoshita. Como o nome sugere trata-se de uma adaptação do famoso livro de Lewis Carrol.

A obra chegou ao Brasil em 2010 pela editora NewPOP.


next dimension 01

Cavaleiros do zodíaco: Next Dimension

Continuação direta da série clássica de Cavaleiros do zodíaco, Next Dimension é publicado no Japão dede 2006 muito irregularmente e ainda está em andamento sem previsão de fim. A obra possui o diferencial de ser inteiramente colorido.

O título chegou ao Brasil em 2011 pelas mãos da editora JBC e, entre outras coisas, a qualidade física do material não agradou, pois a empresa resolveu publicar o título em papel jornal. Ainda hoje muitos consumidores criticam a decisão da editora, embora uma obra colorida em papel jornal não seja uma invenção da empresa…


highschool of the dead fullcolor

Highschool Of The Dead

Highschool Of The Dead começou a ser publicado no Japão em 2006 e foi um grande sucesso ao ponto de ganhar uma versão 100% colorida, porém a obra não chegou a ter um fim. O título ficou paralisado durante anos e, recentemente, o autor acabou por falecer. Os fãs ainda têm esperança de que o desenhista assuma a obra e a conclua, mas não existe nenhum indício de que isso possa ocorrer de fato.

No Brasil, a Panini publicou as duas versões de Highschool Of The Dead , a normal e a Fullcolor edition. A edição Fullcolor foi publicada em um formato maior e com um papel parecido com os das HQs americanas, sendo até hoje o mangá mais caro já lançado pela empresa, R$ 24,90.

***

Tivemos mais? Sim, tivemos alguns quadrinhos relacionados que também são 100% coloridos:

  • O tigre e o dragão: mangá chinês publicado pela Panini muitos anos atrás e curiosamente lançado em papel jornal.
  • Surtada na dieta: Webtoon coreana lançada pela Conrad.
  • O divino (Geektopia): vencedor do Prêmio Internacional de Mangás.

Além deles, podemos citar também as quadrinizações de filmes de Yu Yu Hakusho, lançados pela JBC, e de Cavaleiros do Zodíaco, lançados pela Conrad, entre outros.

***

Há algum mangá 100% colorido lançado no Brasil e que esquecemos de colocar? Nos diga nos comentários^^.

Curta nossa página no Facebook

 Nos siga no Twitter

BBM

Anúncios

13 thoughts on “BBM lista – 6 mangás 100% coloridos”

  1. Tem alguns destes listados que eu ainda não sabia que era FULL COLOR… mas, o que me intrigou mais no post foi a seguinte afirmação: “O tigre e o dragão: mangá chinês publicado pela Panini muitos anos atrás e curiosamente lançado em papel jornal.”. Não entendi… por que CURIOSAMENTE lançado em papel jornal, se este é o mote da empresa??

    Curtir

    1. Hum… olhando agora realmente não foi uma escolha boa de palavras já que não fui bem entendido.

      A ideia era que o “curiosamente” soasse assim: “tá vendo, não é só Next Dimension que é totalmente colorido, mas lançado em papel jornal”. ^^

      Curtir

    1. Pela lógica, ou é preto e branco (com tinta preta ou branca) ou é colorido (no sentido de que possui cores, preto e branco não é “cor” nesse sentido).
      No caso de Bambi não é Rosa e Branco, é apenas rosa. É uma impressão com uma cor só que não é o tom preto. Existem séries que funcionam com dois tons, geralmente preto e vermelho. E séries com 12 e 24 tons, que são usados nas capas, por exemplo.
      Se for pela lógica profissional, não existe colorido, existe quantidade de tons. Mas aqui estamos usando de uma forma mais coloquial para indicar séries que são totalmente ou quase feitas em cores que não apenas o tom preto.

      Curtir

    1. A publicação original dele era toda em colorida, mas dizem por aí que deu treta com outros mangakas da revista que ficaram com inveja, aí Next passou a ser publicado em preto e branco e só na compilação é que saia a versão colorida.
      Fiquei sabendo tbm que no Japão é a publicação de CDZ com melhor qualidade de impressão, melhor papel, etc. Aí aqui a publicação é tão ruim que tem cena que sai borrada e o mangá só falta se desfazer na mão :v

      Curtir

  2. Eu mato gigantes, dá pra dizer que é semi-colorido! kkkkk! Tem uma coisa ou outra só, em cores! Mas foi uma das minhas melhores leituras de 2016. Muito bom mesmo!

    Curtir

  3. Nossa, não sabia que Dragon Ball saiu totalmente colorido no Japão. Seria massa se a Panini quando for lançar o Kanzenban dele usasse essa versão (não é possível que ela uma hora ou outra não lance em resposta ao CDZ da JBC, ou será que é? rs)

    Curtir

Deixe sua opinião. Seu comentário é muito importante para nós^^.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s