Listas

BBM Lista: Histórias que acontecem dentro de games

Quando o jogo vira uma realidade própria!

Um dos subgêneros que anda fazendo muito sucesso no Japão é exatamente as fantasias que acontecem dentro do mundo dos games, uma realidade alternativa com suas próprias leis que emulam as realidades e mecânicas desses jogos virtuais.

A ideia de uma história num mundo alternativo não é novidade, chamado de “Alta Fantasia” (Isekai em japonês), o gênero trabalha a história numa realidade diferente, alguns exemplos da cultura clássica seriam Peter Pan, Senhor dos Anéis, Mágico de Oz e Alice no País das Maravilhas. A sacada japonesa, entretanto, é a união desse gênero de sucesso com uma das indústrias de entretenimento mais poderosas da atualidade e muito adorada pela faixa etária de seus leitores, os videogames.

Conheça a seguir alguns excelentes exemplos publicados no Brasil:

Sword Art Online

Anime de fama incontestável, teve Aincrad (2 vols.) e Fairy Dance (3 vols.) publicados no Brasil pela Panini entre 2015-2016, além das animações disponíveis no Crunchyroll. Por um tempo a editora disse estar considerando o lançamento da novel, mas após isso não houve qualquer outra notícia.

Na série, vários jogadores acabam ficando presos no Sword Art Online (um jogo de realidade virtual) e só poderão sair se derrotarem o chefão final. A história progride e se expande para não uma, mas várias realidades alternativas e games, sem contar o mundo real. SAO é especialmente voltado para a aventura, ação e romance. Além das duas séries publicadas aqui há novels e outros mangás ainda inéditos como Aincrad Night of Kirito, Caliber, Girls Ops, Mother’s Rosario, Phantom Bullet, Progressive e Project Alicization.

***

.hack

Uma franquia mais antiga de 2002 que, com certeza, é responsável pela fama atual do gênero. No Brasil teve a série .hack//A Lenda do Bracelete do Crepúsculo publicada pela JBC em 2005 em 7 edições.

Toda a história de .hack se passa num MMORPG fictício chamado The world e seus vários acontecimentos. No caso específico do mangá da JBC, Shugo e Rena embarcam numa aventura atrás de Aura, uma inteligência artificial, afim de desvendar o segredo do Bracelete do Crepúsculo. É parte de uma enorme franquia que inclui animes, mangás, games e novels que foca principalmente em aventura.

***

Log Horizon

Uma publicação da NewPOP (com o mangá e novel sendo publicados), esse segue à risca a ideia de que de repente os personagens se veem presos no mundo do jogo. A sacada do autor está em realmente fazer um mundo como o dos jogos onlines, onde há menus de opções, classes, atalhos, chats, classes de produção, masmorras, NPCs e toda aquela parafernália típica de um MMORPG. Especialmente convidativo para os gamers de plantão!

LG é focado na intriga, aventura e mistério. Assim como todos desta lista, a franquia possui algumas outras obras: Nishikaze no Ryodan, Honey Moon Logs e Nyanta Hanchou Shiawase no Recipe.

***

Embora não aconteçam necessariamente dentro de um jogo, vale a pena lembrar os Isekais: No Game No Life e Re:Zero, que trabalham uma ideia parecida de um outro universo com propriedades semelhantes aos games. No caso de NGNL o mundo é regido por regras e tudo deve ser resolvido via jogos e apostas, os próprios videogames e suas características são citados e usados o tempo todo pelo autor. Já no caso de Re:Zero, o protagonista vai parar numa realidade alternativa onde tem a habilidade de voltar ao tempo após morrer, uma característica que muito lembra a ideia dos games de, após a morte, voltar ao último ponto salvo.

E se for para falar de emulação de games, não tem como não finalizar lembrando de BTOOOM!. Aqui os personagens são levados para uma ilha onde o jogo BTOOOM! é imitado, mas com carne e osso na vida real.

Que outras séries deste tipo você gostaria de ver no Brasil ou recomenda para os fãs do gênero?

Anúncios

4 thoughts on “BBM Lista: Histórias que acontecem dentro de games”

  1. Nunca li nenhum mangá ou novel nesse estilo, mas puder assistir aos animes, principalmente SAO que gostei do primeiro arco (Aincrad) e achei razoável o terceiro arco (Phantom Bullet), já os demais arcos (Fairy Dance e Mother’s Rosario) foram bem dispensáveis.

    Já joguei .Hack na época do PS2 e é um jogo legal, comecei a assistir ao anime e detestei.

    O que eu gostaria que viesse era a novel Hai to Gensou no Grimgar que tbm assisti ao anime e gostei bastante.

    Curtir

  2. Um mangá e também light novel que eu gosto muito e adoraria vê-lo é Overlord. A história é simples, possui fanservice, mas a variedade de personagens e suas histórias conseguem ser interessantes.
    Quem sabe um dia ele não aparece nas terras tupiniquins…

    Roses, suas publicações são excelentes! Adoro ler cada trechinho delas. Continue com o ótimo trabalho!

    Curtido por 1 pessoa

Os comentários estão encerrados.